Tag – Liebster Award

Olá, leitoras e leitores imaginários. ❤

Vim responder uma “tag” que está rolando em alguns blogs e que tem por objetivo principal conhecer mais blogs ainda. Fiquei surpresa por ter sido indicada por alguém, já que meu marketing aqui é quase zero, então suponho que tenha sido apenas sorte mesmo. Agradeço de antemão, pois as perguntas me fizeram refletir bastante e isso é sempre incrível. Ah, ilustrei alguns fatos sobre mim com umas fotos para continuar a linha editorial (cof cof) do meu blog. Aqui falo sobre o que eu quiser, mas me obrigo a postar as fotos que tirei na vida nos posts feitos.

Vou colar o modelo padrão que peguei das meninas do Caneta Nerd, mas também farei a minha versão, com algumas ressalvas e eufemismos.

MODELO PADRÃO

REGRAS:

  • Escrever 11 fatos sobre mim.
  • Responder as perguntas de quem me indicou.
  • Inserir no post a imagem com o selo da tag.
  • Linkar de volta quem me indicou.

MODELO ALIEN

SUGESTÕES (blog é um canto sagrado e a gente já tem uma vida cheia de cagação de regra pra aguentar):

  • Você é uma pessoa como nenhuma outra e com uma história de vida sem precedentes. Divide com a gente 11 fatos da sua existência?
  • Eu e você estamos num pub bebendo uns drinks (os meus são com álcool). Fui interrogada com umas perguntinhas bacanérrimas para refletir mais sobre o que raios já fiz da minha vida. Combinamos que eu responderia no meu blog.
  • Tive a ideia de linkar a imagem com o selo da tag, acho que dá basta, né non?
  • Eu já linkei o blog indicado algumas vezes antes mesmo dessa sugestão, mas tá aqui para não esquecer de linkar de novo. ❤

SE SEGURA, VAI COMEÇAR!

11 fatos sobre a minha inenarrável existência

  • Eu já deixei de usar camisas sem manga, mesmo no calor infernal de Recife, Pernambuco, Brasil, porque eu me achava deveras magra. Isso quando eu ainda era adolescente e o padrão de beleza já me deixava refém de um corpo impossível. Update: Estou restaurada e me sinto linda (embora eu também tenha discernimento de que eu não PRECISO ser linda), porém é uma luta quase diária não cair em tentação (e ficar achando defeitos geralmente inexistentes no corpinho lindo que papi e mamis me deram).
  • Eu já passei o fim de semana num dos lugares mais lindos do mundo (pra mim) comendo apenas banana e sanduíche de queijo e presunto regado ao vinho mais barato do universo porque tava com pouca grana. Tudo se passou numa cidade da Argentina chamada San Rafael, e eu sobrevivi e ainda comprei artesanato na volta pra presentear meu quarto e minhas irmãs.

PAUSA PARA A FOTO QUE ILUSTRA O FEELING

DSC_0150 (2)

  • Eu sou reconhecida como uma pessoa dramática, porém 2016 me trouxe uma revelação bombástica de alguém que costumava ser um porto seguro e por isso decidi trabalhar meus dias no zero drama, não pela pessoa, mas por mim mesma (ela só fez dar aquele insight). Acho que o tamanho dos meus textos ainda não está refletindo essa nova eu, mas tamos aí, né? #vibezerodrama
  • Eu adoro falar sobre mim mesma, porém em uma mesa de bar ou na cama embaixo das cobertas quentinhas. Por aqui eu me sinto meio boba porque geralmente meus leitores são amores imaginários. Mas ó, zero drama, sempre bom falar sozinha por aí que nem uma loka.
  • Eu aprendi a falar espanhol em um mês, fazendo um curso com dois professores chilenos que vinham até a casa que eu estava hospedada, todas as noites (de segunda a quinta, pois sexta é dia de happy hour e o dinheiro estava curto para cinco dias de curso na semana). Mas isso é só parte da verdade porque em um trabalho voluntário, antes desse curso, aprendi minhas primeiras noções de espanhol com crianças de cinco anos que tinham a paciência de repetir as palavras para que eu entendesse tudinho. E ah, comecei a namorar um chileno e ele é meu professor diário por osmose. Mas sério, me sinto orgulhosa porque avancei muito em pouco tempo, TODO MUNDO DIZ, NÃO VEM TIRAR MEU ORGULHO, OK? NEM VEM DIZER QUE ESPANHOL É IGUAL A PORTUGUÊS PORQUE NÃO É, MUCHACHO! #zerodrama

PAUSA PARA MINHA PRIMEIRA PROFESSORA (MARAVILHOSA)

DSC_0555 (2)

  • Eu adoro comer muito, sobretudo no almoço. E qualquer pessoa ganha meu coração se fizer comida gostosa para mim. Menos pessoas que nem o Eduardo Cunha e afins, claro.

PAUSA PARA A FOTO QUE ILUSTRA O FEELING

DSC_0297

  • O fato supracitado me lembrou comida, né. Então lá vai outra verdade: eu aprendi a cozinhar por livre e espontânea pressão do meu próprio estômago (indico morar sozinha e deixar de comer todos os dias a comidinha gostosa da boadrasta e da mamis).
  • Eu adoro olhar para o céu e me perder na sua imensidão. E sou fascinada pelas cores douradas do Sol, naquela horinha antes dele ir embora. E amo chuvas fortes (em cidades que não alagam e não tem pessoas perdendo suas casas pelas enchentes). E ADORO relâmpagos e trovões. Mas só se eu estiver na minha caminha e não voltando do trabalho, por exemplo.

PAUSA PARA A FOTO QUE ILUSTRA O FEELING

11255812_909636382411211_7178863730229949417_o

  • Eu odeio o sistema de educação brasileiro (e o de centenas de outros países). Acho que deveríamos aprender a pensar, a entender e criticar a conjuntura da política nacional, a empreender, a fazer trabalhos manuais e a cozinhar de forma saudável. E fazer arte pra vender na praia caso as coisas não deem certo quando você for adulto.
  • CLICHÊ: Eu adoro viajar e conhecer gente bacana, lugares diferentes e tirar fotos sobre tudo isso.

DSC_0095 (2)

  • Eu sou sagitariana e eu nunca sei exatamente o que isso significa.

Perguntas do Caneta Nerd

  • Quais as vantagens e desvantagens em ter um blog?

As vantagens é que desabafo, botando pra fora sentimentos e informações que posso revisitar no futuro. São dicas de turismo que posso mandar para uns amigos, inspirações que fazem o dia de alguém melhor e fotografias que podem causar reflexão. Ah, minha memória é meio ruim, logo o blog me ajuda nisso também. As desvantagens é que tenho pouca visibilidade, então fico sem motivação pra postar com mais frequência.

  • Pra você o que é ser blogueira?

É criar um conteúdo autêntico com empenho e muito amorzin. Também acredito que transparência deveria ser um atributo, sobretudo agora que virou profissão e o que eu mais acho horrível é a pessoa ficar famosa e se render às grandes marcas e continuar nessa cultura de consumismo exacerbado. Vamo se ajudar, né?

  • Qual seu objetivo na vida?

Mas gente! Isso é tão amplo. Meu objetivo é viver predominantemente no presente e por isso fazer meus dias valerem a pena. Seja ajudando alguém, seja distribuindo sorrisos, seja conquistando pequenos e big sonhos e sendo uma versão incrivelmente melhor de mim mesma.

  • Quais suas metas para 2016?

Gosto mais de trabalhar em micro metas, porque você se sente mais satisfeito e menos frustrado com tudo. Mas a big meta é melhorar minha condição profissional.

  • Se arrepende de alguma escolha feita em algum momento da vida?

CLICHÊ: Se você pensa em se arrepender de algo, pensa nas merdas de escolhas que fez, né? Ainda preciso de umas doses inéditas de terapia para entender onde que eu estava com a cabeça, mas como só tenho grana pra gastar com minhas viagens e comidas e nunca sei se vou ficar muito tempo em um canto só, deixo a ajudinha profissional para depois. E o aluguel tá caro, amigxs. Então posso dizer que as obras que fiz (e as coisas gratificantes e inspiradoras) foram essenciais para moldar a pessoa que sou hoje. Então por isso não me arrependo de nada (válido ressaltar que há dias de recaídas).

  • Se pudesse escolher qualquer lugar do mundo para morar, pra onde iria?

Tenho um crush por Berlim, confesso. Mas estou tendo um relacionamento sério com minha cidade atual. ❤

  • Qual seu filme favorito e por que?

Risos. Tenho 50 filmes favoritos na minha lista do Filmow até agora. Para vocês verem como sou uma pessoa generosa. Cada um tem aquela cena apaixonante, aquela fotografia invejável, aquele roteiro impecável e com reviravoltas e personagens fora do comum e muito inspiradores. Mas posso dizer rapidamente que eu sou apaixonada por Amélie Poulain (CLICHÊ). Sei a trilha sonora decoradíssima porque por anos estava no meu celular que foi morto pelo meu shampoo naquela mesma viagem à Argentina. Saudades. Putz, também poderia falar da trilogia maravilhosíssima e verossímil do casal de melhores diálogos ever: Antes do Amanhecer, Antes do Pôr-do-Sol e Antes da Meia-Noite. VÁ-ASSISTIR-AGORA!

  • Qual sua cor favorita?

Gótica suave. E amarelo. Sei lá.

  • Carreira que quer para sua vida?

Uma que não roube a minha vida. Então prefiro empresas que tenham ao menos um pouquinho de mente aberta. É legal trabalhar pra um lugar que quer impactar positivamente a sociedade e não vive APENAS de lucro. Essa era tá acabando e as organizações precisam se adaptar. Não estamos mais na época da revolução industrial, gente. Embora o sistema seja quase o mesmo. Ah, gostaria de empreender também.

  • Data do ano que mais gosta?

O ano que eu mais gosto sempre será o que estou vivendo, ou assim espero continuar pensando. Carpe diem way of life. Mas como 2016 está fresquinho, posso dizer que 2015 foi um dos melhores anos da minha vida. Eu poderia escrever um livro sobre ele. Realizei trocentos sonhos que tinha e dei uma reviravolta em tudo, bem estilo dos filmes de Almodóvar e cores de Wes Anderson.

  • Um personagem que você adora?

Gosto de bastantes, e geralmente mulheres. Como eu poderia dizer uma dezena, melhor falar a que está mais recente na minha lista: Jessica Jones. A super heroína não veste a camisa desse time de heróis inacreditáveis, engomadinhos e sem defeitos e isso já me ganha em todos os sentidos. Apesar de ser durona em demasia, gosto como tenta resolver seus problemas sozinha e como luta contra seus traumas do passado. Pontos também para a atitude de pegar o cara mais gato ever e não fazer cu doce para suas próprias vontades. E é sempre maravilhoso ver mulheres dando surra em gente facínora. E ah, sem salto alto e sem roupas que as deixam quase desnudas (nada contra quem gosta de estar desnuda, eu gosto também, mas racionalmente na hora de uma luta a roupa deveria ser apropriada, né? PFVR).

Últimas considerações

Odeio regras, odeio. Mas entendo quando a intenção das pessoas é linda e benéfica. Tipo o que ocorre com as placas de trânsito ou as leis sensatas. Então seria incrível se vocês quisessem que essa tag fosse pra frente. Até porque se mais blogs responderem em até 7 dias vão receber um dinheiro misterioso ou evitarão de perder o amor da sua vida. Acho melhor continuar a corrente porque nunca se sabe, né? Mas ó: sem pressão, tá? HAHA. Enfim, deixo livre para quem quiser também participar da tag. Lembra de me linkar pra eu ver o seu resultado! 🙂

Espero que vocês tenham gostado! Eu me diverti muito escrevendo e passei a tarde toda do meu domingo enquanto descansava meio quilo de frango assado e batatas-fritas que eu e Mario tínhamos pedido no Matias Pollo. Comida farta, boa e barata. VEM GENTE!

OBRIGADA AOS GUERREIROS QUE LERAM PELO MENOS 25% DO TEXTO. QUEM LEU ATÉ AQUI VAI RECEBER EM ATÉ DOIS DIAS UMA NOTÍCIA INCRÍVEL – O UNIVERSO NUNCA FALHA. BOA SORTE! ❤ 

Post Scriptum: O que é Liebster plmdds? 

Anúncios

15 comentários Adicione o seu

  1. Adorei a tag!
    E as fotos <33

    beijos

    Curtido por 1 pessoa

    1. Não parece muito a vibe do seu blog, mas tampouco era a do meu… Se você quiser participar também seria lindo ver as tuas respostas e te conhecer mais um pouco ❤

      Curtir

  2. Lari Reis disse:

    Já aguardando minha notícia incrível!
    Só fiquei em dúvida se deveria comentar ou não… Leitores imaginários deixam comentários reais? 😉

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oba! Terei que mudar meu próximo texto o/. Be positive, be strong. Verás que vai acontecer de verdade e no fim das contas eu nem tive nada a ver com isso ❤ HAHA

      Curtido por 1 pessoa

      1. Lari Reis disse:

        A gente atrai o que emite, né?! Positividade e coisas boas sempre 🙂

        Curtido por 1 pessoa

  3. Seu blog é a coisa mais linda! Adorei aqui.

    Curtir

    1. Ai, ganhei meu dia, Sté. Valeu por chegar aqui e avisar ❤ E eu te stalkeei, né? Curti teu blog e já já passo um tempo maior lá. Mas morri de rir com os teus últimos tweets, HAHAHA <3. Adoro quem usa o Twitter! Beijo ❤

      Curtir

  4. Ameeei ler! hahah Sério, adoro teu jeito de escrever, parece que converso com uma amiga! E eu preciso-dizer-que suas fotos são MARAVILHOSAS! ❤

    Curtido por 1 pessoa

  5. QUE FELIZ ❤ Fosse a primeira pessoa a elogiar alguma foto minha nesse bloguinho novo, UHUUUUUUUUUUUL. Muito, muito, muito obrigada por melhorar meu dia, nem sabe a bad que eu tava agora. E eu sou doida escrevendo, né? Mas que bom que gostou, HAHA. Beijo ❤

    Curtir

  6. Amei a tag, amei te conhecer um pouco mais, tu é uma pessoa super especial ❤ Beijokas.

    PS: quem sabe eu faço no Blog, rs!

    Curtido por 1 pessoa

  7. CanetaNerd disse:

    Ameeei tudo o que você escreveu Aline! ❤ Foi ótimo saber um pouquinho sobre você. E adorei seu blog também! Gente, que prato delicioso é esse dessa foto? OMG. Um beijo grande, gata 🙂

    Curtido por 1 pessoa

    1. escrevi demais, ein? haha. quem mandou indicar? ❤

      Curtido por 1 pessoa

Vai ser incrível um comentário seu por aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s